Review: Make B. urban ballet.

Oi pessoal, 
Ontem resolvi comprar um batom cremoso, pesquisando na loja do O boticário eu me apaixonei pela coleção Make B. Urban Ballet, minha vontade era comprar todos. Mas, nesse tempo de crise temos que fazer escolhas.

Os batons dessa coleção são todos em formatos de sapatilha de ballet. São tons suaves. Apresentam textura cremosa, eu comprei o Lace Wine. Mas você pode encontrar o Lace Plum, Lace Salmon e Lace Rose. Eu prefiro uma cor mais intensa sem exagero na cor. Além dos batons a coleção contém outros 19 itens, com a delicadeza do balé e a feminilidade da mulher brasileira. No site você poderá encontra-los.

Irei falar do Lace Wine, dos quatro é o que tem a cor mais intensa comparado com os outros. 

Três romances históricos para a lista dos desejados.

Oi pessoas, 
Acompanhando as novidades literárias eu anotei o título de três romances históricos que quero ler futuramente. Atualmente são poucos os romances históricos publicados em comparação aos romances de época. Antes que pensem, mas é a mesma coisa? Não, eles diferem. 
















Os romances históricos tratam-se de obras que tem como plano de fundo os períodos e fatos históricos. Em uma época anterior a 1950. Já os romances de época focam mais em demonstrar como vivia e se comportava um povo em um determinado tempo.

Vamos conhecer esse romances? Não me responsabilizo se você também os colocar na lista de desejados, risos

Resenha - Um beijo inesquecível - Julia Quinn.

Olá pessoas, 
Hoje venho postar a minha resenha deste livro querido que a Fer já resenhou, se quiser ler a resenha dela, clique aqui. 

Edição: 1
Editora: Arqueiro
ISBN: 9788580414851
Ano: 2016
Páginas: 272
Tradutora: Claudia Costa Guimarães.
Sinopse: Toda a alta sociedade concorda que não existe ninguém parecido com Hyacinth Bridgerton. Cruelmente inteligente e inesperadamente franca, ela já está em sua quarta temporada na vida social da elite, mas não consegue se impressionar com nenhum pretendente. Num recital, Hyacinth conhece o belo e atraente Gareth St. Clair, neto de sua amiga Lady Danbury. Para sua surpresa, apesar da fama de libertino, ele é capaz de manter uma conversa adequada com ela e, às vezes, até deixá-la sem fala e com um frio na barriga. Porém Hyacinth resiste à sedução do famoso conquistador. Para ela, cada palavra pronunciada por Gareth é um desafio que deve ser respondido à altura. Por isso, quando ele aparece na casa de Lady Danbury com um misterioso diário da avó italiana, ela resolve traduzir o texto, que pode conter segredos decisivos para o futuro dele. Nessa tarefa, primeiro os dois se veem debatendo traduções, depois trocando confidências, até, por fim, quebrarem as regras sociais. E, ao passar o tempo juntos, eles vão descobrir que as respostas que buscam se encontram um no outro... e que não há nada de tão simples – e de tão complicado – quanto um beijo.

Esse é o sétimo livro da série Os Bridgertons. No prólogo nos deparamos com uma narração do eixo familiar de Gareth St. Clair, sendo que a relação entre pai e filho se mostrou instável, fria. É perceptível que o pai nunca teve afeto pelo filho, velho chato viu. Nas primeiras páginas nos deparamos com algo que me deixou de boca aberta.

Lançamentos de Maio - Editora Planeta


Oi Pessoal!!!

Hoje tem os lançamentos deste mês da Editora Planeta e seus selos. Tem muita coisa boa! rsrsrsrsr
Para quem quiser adicionar no Skoob, é só clicar nas capas ta? E tem os links das lojas online, caso vocês queiram adquiri-los!
Confiram:

9 on 9: Romances de época.


Oi pessoas,
Hoje é dia do projeto fotográfico, 9 on 9. Eu comecei o projeto no meu blog, De cabeça para baixo, como resolvi pausar o blog e me tornar colaboradora, pedi a autorização da Fernanda para continuá-lo no Lendo e Esmaltando. 
Você pode  clicar aqui e conhecer o projeto. Mas irei explicar como funciona, todo dia nove de cada mês 9 blogueiras irão publicar nove fotos relacionadas a algum tema, o mês de maio é o mês dos romances de época. Não poderia deixar passar de fotografar os livros de um dos meus gêneros favoritos. 
Já tivemos o mês do carnaval / Mulheres fortes