Resenha - Uma curva na estrada

Uma Curva na Estrada
Nicholas Sparks
Editora Arqueiro
Páginas 304
2013

CEDIDO EM PARCERIA COM A EDITORA ARQUEIRO.


Olá Pessoal tudo bem? 

Final de semana bem friozinho aqui no Rio e para combinar escolhi uma leitura bem leve. 


Uma curva na estrada conta a história de Miles Ryan um sub-xerife da cidade de New Bern que perdeu a esposa em um fatídico acidente, ela foi atropelada enquanto praticava corrida. O culpado fugiu, deixando somente uma manta sob o corpo de Missy. Dessa forma o caso ficou sem solução, e tal fato é responsável por atormentar a vida de Miles até hoje, e ele se culpa imensamente por não ter conseguido encontrar o culpado por atropelar sua esposa.

Miles e Missy, eram uma família feliz, namoravam desde adolescentes. Missy foi o primeiro amor de Miles e agora ela estava morta, deixando com ele seu filho Jonah que agora tem 7 anos. Miles nunca pensou que um dia fosse seguir em frente, que tornaria a se apaixonar por alguém novamente, até que conheceu Sarah, a professora de Jonah.

Com a morte de Missy, Jonah ficou muito abalado e seus professores permitiram que ele fosse empurrando a escola com a barriga, e agora que ele está no segundo ano escolar possui sérias dificuldades de aprendizado. Sarah sua professora fica comovida com a história do menino, e revoltada com o fato de seus outros professores terem deixado o menino passar de série sem aprender o básico, ler e escrever. Com essa motivação Sarah passa a ensinar conteúdos extras, para suprir as necessidades de Jonah além do horário escolar, o que, de certa forma a aproxima ainda mais de Miles.

Miles e Sarah engatam um relacionamento tranquilo, bonito, romântico e de certa forma apaixonante. Até que em dado momento surgem novos fatos que trazem a tona o caso da morte de Missy. Agora ele deverá superar essa fatalidade, seguir em frente e aprender a perdoar. 

O que dizer de um livro do Nicholas Sparks? Eu sou apaixonada pelo autor, li mais de dez livros e acho que não tem sequer um que eu tenha gostado menos. Mas confesso que comecei a ler Uma curva na estrada esperando encontrar alguma tragédia;/ Sinto muito Nicholas, mas você é famoso por isso. haha.

O livro é bem leve, daqueles de ler em uma tarde. Uma curva na estrada é narrado de vários pontos.  Ele começa com o culpado pelo acidente de Missy dizendo que precisa contar essa história para que possa seguir em frente, a narrativa em primeira pessoa aparece em diversos momentos, ele relata o acidente e os motivos por ele ter fugido do local, e o que aconteceu após o acidente.

Eu gostei de todos os personagens, mas  o meu preferido foi Jonah, o menino me encantou, ele é  muito maduro para a sua idade, consegue aceitar bem a perda da mãe, esta sempre de bem com a vida, enfim é um fofo. Sarah também é uma personagem bem agradável, forte e responsável. Ela conseguiu superar um casamento fracassado, com um homem que parecia ser perfeito, mas que a abandonou no momento da descoberta mais difícil da sua vida. Sarah se entrega totalmente ao seu novo relacionamento, tentando ser aberta e verdadeira.

Quanto ao culpado pelo acidente eu consegui adivinhar desde o começo, mas devo dizer que Nicholas consegue esconder bem. Eu simplesmente tive um palpite, mas confesso que quase no final eu pensei em outra pessoa também. 

Em relação a capa eu gosto do padrão que a editora Arqueiro estabeleceu, acho que fica tão bonitinho na estante. A diagramação ficou ótimo e as letras no tamanho agradável. Não encontrei erros de digitação e adoro quando isso acontece.

Eu recomendo bastante o livro, Nicholas consegue mais uma vez nos passar lições vida, nos apresentar personagens fortes, verdadeiros e que apesar de tristes situações, de revolta com a vida, conseguem superar os fatos e perdoar o próximo. 






19 comentários

  1. Muito bom, essa é uma das histórias que mais gostei dele. Não a melhor, mas muito boa de qualquer forma. Gente, aquela coisa do acidente no final eu fiquei aqui "Nicky safado! Olha o clichê de cair o queixo!!!" e adorei. É fofa essa história né?!

    ResponderExcluir
  2. Não gosto do Nicholas Sparks :c ~não me mate kkkkk ~ então não gostei do livro :c

    ResponderExcluir
  3. Oie amigaaaa....finalmente voltei do período de provas. Infelizmente não vai dar pra participar do Top esse mês...mimimi
    Mas to de volta por aqui! XD E mês que vem eu concorro de novo, quem sabe né...hehe bjsssssssss

    ResponderExcluir
  4. Os romances de Nickolas são sempre perfeitos, já li vários, mas esse eu não li ainda.

    ;)

    http://pseudonimoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Me recuso a ler sua resenha, pois não tenho este livro ¬¬ kkkkkk Brinks vio, já li!!!!

    Quero muito mesmo este livro, não consigo imaginar um mundo onde não exista Nicholas Sparks!!! Amei!!!!

    bjo^^

    ResponderExcluir
  6. eu nunca li nada do autor, sou bem curiosa para ler
    gostei da resenha amiga, o livro parece bem legal.

    ResponderExcluir
  7. Eu só li 3 livros do Nicholas, e me apaixonei. Quero ler todos. Adorei a resenha *-*
    Espero em breve poder ler esse e os outros livros já lançados, com uma escrita tão boa, realmente fica difícil escolher um livro como sendo o melhor neh.

    ResponderExcluir
  8. Quero muito esse livro. Sou louca pra conhecer a escrita do Sparks e acho que desejo todos os seus livros de uma maneira exagerada! hehe
    Todo mundo que leu Uma curva na estrada, destacou também pensar em uma tragédia na história. hahaha

    ResponderExcluir
  9. Gostei mto da resenha. Fiquei com vontade de ler ^^
    E até já tenho um palpite do culpado pelo acidente.
    Vai pra listinha de desejados ;)

    ResponderExcluir
  10. Eu também adoro quando as editoras seguem um padrão nas capas e tenho muita raiva quando elas simplesmente ignoram isso, principalmente em sequencias.
    sobre o livro, Nicholas Sparks é Nicholas Sparks, então quero lê-lo sem dúvida.

    ResponderExcluir
  11. Não gosto do Nicholas Sparks, e já deduzi a trama do livro sem nem ter aberto a resenha. Acertei HUEHUEHUEHEUHEUHEUEHUEEHUEHUEHEUEUHEUHEUHE
    Mas que bom que vc gostou... Parece ser um livro legal para quem curte o autor :D

    ResponderExcluir
  12. Mas tem tragédia afinal ela não morreu? O.o
    Isso se enquadra na morte habitual do Sparks.

    ResponderExcluir
  13. Nunca li um livro de Nicholas Sparks, mas confesso que essa mistura de tragédia e romance que o autor descreve não chama a minha atenção.
    Não consigo me interessar por nenhum dos livros dele, até por que prefiro quando o romance não é o foco principal do livro!

    ResponderExcluir
  14. O Nicholas Sparks sempre manda bem com seus livros, né?!?! Se formos olhar direitinho, todos os livros dele seguem um padrão não apenas de trama, mas de personagens também. Sempre tem professores, xerifes, pais que criam os filhos sozinhos, sejam por causa de morte do parceiro ou por término do relacionamento, crianças maduras para a idade que tem, etc. Mesmo assim, suas histórias são ótimas.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  15. sobre nicholas sparks é bem dificil de comentar né? ele cria histórias ótimas e bem envolventes, a capa é bem bonita e parece ser uma história legal quem sabe uma prox leitura?

    ResponderExcluir
  16. Mesmo vc falando q esse livro é calmo não consigo confiar. Quase morro do coração lendo Querido John e Diário de Uma Paixão. Não me recuperei do trauma de Querido John e só de ouvir o nome do Nicholas já imagino tragédia. Vai demorar um com tempo até eu ter coragem de ler outro livro dele.

    ResponderExcluir
  17. Eu não li esse livro, mas todos os livros que li do Nicholas Sparks eu amei, então acho que vou gostar muito desse também!!

    ResponderExcluir
  18. Acabei de ler Um Porto Seguro e gostei.
    É o primeiro livro que li do Nicolas e quero ler outros.
    Fiquei curiosa com essa trama, :)

    ResponderExcluir
  19. eu li só dois livros do Nicholas, e vi 4 filmes, pretendo ler mais, mas pelo que vc diz esse livro deve ser bem o clichê dele :x a história de ter passado por uma tragédia e agr se abrir para um novo amor, lembra aquele Uma Carta de Amor (?)e até um pouco de Um Porto Seguro. Realmente é comum tragédia nas histórias dele haha mas continuam sendo boas pra mim. gostaria de ler sim, mas o dele que é número 1 na lista dos que eu quero ler é Um Amor Para Recordar

    ResponderExcluir

Olá, agradeço pela sua visita. Deixe seu cometário também :D