Resenha - A filha do sangue

Edição: 1
Editora: Saída de Emergência Brasil
ISBN: 9788567296104
Ano: 2014
Páginas: 432
Tradutor: Cristina Correia
Sinopse - A Filha do Sangue -  Anne Bishop
O Reino Distorcido se prepara para o cumprimento de uma antiga profecia: a chegada de uma nova Rainha, a Feiticeira que tem mais poder que o próprio Senhor do Inferno. Mas ela ainda é jovem, e por isso pode ser influenciada e corrompida. Quem a controlar terá domínio sobre o mundo. Três homens poderosos, inimigos viscerais - sabem disso. Saetan, Lucivar e Daemon logo percebem o poder que se esconde por trás dos olhos azuis daquela menina inocente. Assim começa um jogo cruel, de política e intriga, magia e traição, no qual as armas são o ódio e o amor. E cujo preço pode ser terrível e inimaginável.



 A Filha do Sangue conta a história de um reino que se prepara para a chegada de uma nova Rainha. Há muitos anos atrás uma profecia foi lançada por uma Viúva Negra, segundo sua visão uma nova Rainha iria chegar ao Reino, uma feiticeira capaz de demonstrar mais poderes que o Senhor do Inferno. O único problema é que essa pessoa, tão esperada, não passa de uma jovem criança de apenas sete anos, que pode ser facilmente dominada, influenciada por qualquer um que possua o mínimo de destreza, e aquele que conseguir controlar a criança poderá ter uma grande arma em suas mãos, capaz até mesmo de dominar o mundo. Três homens possuem esse conhecimento, Saetan, o senhor supremo do inferno e seus filhos Lucivar Yaslana e Daemon SaDiablo. Ambos percebem o poder que emana da jovem criança e dessa forma tem inicio uma história fantástica que envolve magia, traição, política, sexo e acima de tudo uma guerra pelo poder. 

Eu sinceramente fico meio perturbada toda vez que leio um livro da Saída de Emergência, todas as histórias que conheci até agora são bem densas, pesadas, não são livros de leitura fácil e claro, não foi diferente em A Filha do Sangue, precisei de mais de uma semana para terminar a leitura, só conseguia ler algumas partes de cada vez ou acabava me perdendo com tantos personagens e tantas confusões. Não que o livro seja chato, muito pelo contrário, é um livro extraordinário, mas que exige paciência do leitor. 

A jovem feiticeira é Jaenelle, a " filha do sangue ", ela tem sete anos. Jaenelle é uma criança extraordinária, mas ela não sabe controlar seus poderes, é tão poderosa que consegue fazer coisas que nem mesmo Saetan consegue, ela é corajosa, destemida, e apesar da pouca idade é muito sábia. Ela precisa ser protegida das garras da Rainha Dorothea, uma mulher cruel, que faz de Daemon uma espécie de escravo. Há ainda Lucivar um dos filhos de Saetan, ele foi o primeiro a ver Jaenelle. Juntos os três são os chamados Machos de Sangue, a raça dos Sangue é muito poderosa e eles utilizam joias específicas para representar esse poder que possuem.

A cada capitulo de A filha do sangue eu me lembrava mais de Game of Thrones O.o !! O livro mostra tanta coisa que SEM ÔR! É estupro, é incesto, é pedofilia, é violência em excesso. Fiquei tipo WTF! Sinceramente eu nunca me dou muito bem com esses assuntos polêmicos, o único livro do gênero que li e não senti nojo foi Forbidden, eu até tentei me agradar com a aproximação de Daemon e Jaenelle, mas NOT! não consegui gente! Achei muito absurdo pro meu gosto. Entendo que a autora escreve de uma maneira que isso possa ser compreendido, mas eu simplesmente não compreendo alguém se apaixonar por uma menina de 12 anos, acho isso horrível, nojento. 

O livro em suma é bem perturbador, cruel, intenso, mas no fundo é realista. E creio que é isso que a autora quer passar, o realismo da situação, não importa se vai ser cruel, se vai ser polêmico, se despertará repulsa.  Em muitas cenas eu fiquei horrorizada, sinceramente. É um livro bem complexo, criado de forma fantástica por Bishop, é viciante, impactante, chocante e todos os demais derivados. Mas nem todo o horror e polêmica que caracterizam o enredo, conseguem apagar o brilhantismo desse livro, Bishop foi muito feliz na criação desse novo mundo, diferente de tudo o que você vai conhecer.

A edição dispensa qualquer comentário, não há palavra que possa descrever a capa. A editora se preocupou com cada mínimo detalhe. Revisão como sempre perfeita.

11 comentários

  1. Oi Feh!

    Eu tbm amei a capa deste livro e a princípio fiquei mega curiosa, mas.... rsrsrsrrsrsrsr não vou lê-lo tão cedo!
    Adorei a resenha ta?

    bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  2. Aí que horror o.O
    Acho q não quero ler esse livro não

    Não me lembro de ter lido nenhum livro da Saída de Emergência, mas são sempre nesse estilo é?
    Vou procurar saber mais, nesse sáb vai ter evento da editora aqui em Fortaleza, vou tentar ir.

    ResponderExcluir
  3. Fe eu estou com esse livro pra ler desde o mês passado, e ele será o próximo na minha lista de leitura.
    Eu me apaixonei pela capa, achei ela perfeita, dificilmente vou achar uma capa que supere, pelos menos por hora.
    Amei a resenha que só me fez querer ler mais ainda.

    Abraços
    Vivi

    ResponderExcluir
  4. Oi Fê, tudo bom?
    Essa capa é muito linda, muito linda mesmo!!
    A história parece ser incrível, cheia de magia, profecias, essas coisas super legais! E cara, eu ri muito com os nomes dos caras, todos meio que aludindo ao diabo suahsauhs
    Fiquei abalada com essas coisas pesadas do livro. Quando você olha a capa, não julga que pode ter isso, até achei que fosse para um público mais novo. Tem algum aviso?
    Beijão
    http://www.sarahmarques.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Quero muito saber qual o preço que deve ser pago! Gostei bastante da resenha e fiquei curiosa para ler o livro e desvendar a trama que ele contém!
    Parece ser um livro incrível, sem contar que me apaixonei por ele no momento em que li o título e vi a capa!

    ResponderExcluir
  6. Caramba!!!!
    Quanta coisa em um livro só :O
    Aveee achei que fosse um livro mais leve, porém vejo que me enganei totalmente. Quero ler mais não, eu hein.

    ResponderExcluir
  7. Eu já tinha visto a capa e achado bem bonita, mas nunca imaginava que o livro tinha coisas como estupro e pedofilia. Não gosto tanto de livros assim, prefiro os mais leves, apesar de adorar As crônicas de gelo e fogo. Vai entender né? hahaha

    ResponderExcluir
  8. UAUUUUUUUUU...eu nunca teria imaginada que essa seria a historia abordada por trás dessa capa e premissa..pelo visto é uma trama bem forte, intensa e não é qualquer pessoa que consegue ler...Apesar de retratar a infeliz realidade... Acho que vou ler, não sei quando...PArabéns pela resenha...bjs

    ResponderExcluir
  9. Confesso que quando vi essa capa, imaginei que era uma trama sobrenatural mais teen. Me enganei completamente. Assuntos polêmicos e cenas fortes são o que não faltam aqui. Gosto de tramas assim, mas também tenho um limite. Não sei se esse livro extrapola, mas sinto vontade de lê-lo.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  10. A capa é maravilhosa realmente, uma das mais lindas que tenho na estante! A leitura no começo foi bem arrastada, fiquei confusa e só conseguia ler um pouco de cada vez. Algumas partes me deixaram muito incomodada e apesar de tudo não dava pra parar de ler. Ainda tenho dúvidas se gostei ou não... mas com certeza quero ler a continuação!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Oi Fe, gostei da capa mas acho que ficaria melhor sem a foto da menina, ainda não li nada da editora e não me interessei muito por esse livro, pensei que se tratava mais de magia e algo sem muita polêmica. Beijos

    ResponderExcluir

Olá, agradeço pela sua visita. Deixe seu cometário também :D