Resenha - Black para sempre - Sandi Lynn

Edição: 1
Editora: Valentina
ISBN: 9788565859608
Ano: 2015
Páginas: 256
Tradutor: Kenya Costa

Sinopse - Black Para Sempre - O primeiro livro gira em torno de Ellery, que sempre imaginou que seu futuro estaria ao lado de seu namorado perfeito e seus felizes para sempre estava garantido. Entretanto, quando ele faz suas malas e pede espaço, ela vê seu mundo ruir e decide focar somente em suas pinturas e desistir de relacionamentos, até que em uma noite ajuda um homem completamente bêbado a chegar a sua casa em segurança. Um homem que logo estará disposto a brigar por um futuro ao lado de Ellery e apoiá-la quando seu mundo estilhaçar novamente.



Ellery tem vinte e três anos e se mudou recentemente para Nova York, ela é pintora, trabalha em uma gravadora e faz um trabalho voluntário distribuindo comida aos necessitados. Depois de passar por muitas situações ruins, ter sua alma quebrada várias vezes e sofrer uma vez atrás da outra, Elery acredita que finalmente as coisas entraram nos eixos, até que seu namorado Kyle resolve sair de casa. 

Certa noite ela resolve sair com sua melhor amiga e acaba se metendo em uma situação bem inusitada. Ao ver um homem muito bêbado, ela resolve leva-lo em casa, para que ele conseguisse chegar em segurança. Esse cara é Connor Black um CEO extremamente rico, que a cada noite esta com uma mulher diferente. 

Ellery acaba dormindo na casa dele e no outro dia ele acha que rolou uma coisa entre os dois e logo vai tratando-a como mais uma de suas conquistas. Mas o jeito destemido e liberto de Ellery vai acabar conquistando o coração desse homem misterioso e talvez seja isso que Ellery precise, alguém em quem se apoiar quando seu mundo ruir novamente. 



Ambos escondem segredos e o bacana é que a leitora consegue criar um bom mistério em cima deles, ela deixa tudo tão amarradinho que você tenta adivinhar o segredo de cada um, mas não consegue encontrar uma resposta certa. 

Vi muitos comentários no skoob sobre como esse livro seria parecido com Cinquenta tons de cinza e eu como uma super fã da trilogia não achei muito parecido, a não ser pelo cara ser CEO e rico, fora isso não achei nada igual. Esse livro não é tão extenso e é bem direto ao ponto o enredo parece que conta muito mais história do que Cinquenta tons. 

A narrativa é maravilhosa e instigante, impossível não se sentir ávida por mais e mais doses do livro. O livro não é só um livro puramente sensual, mas tem um lado puxado para o drama também, te mostra fatos da vida que você faz dar graças a Deus por ter coisas tão maravilhosas na sua. Eu sei que é uma ficção, mas é inevitável não se envolver com a história dos personagens e pegar toda a bagagem de sentimentos para si. 

Me envolvi completamente com os personagens e tomei as dores pra mim, o casal é apaixonante e a cada ponto alto do livro eu queria chorar junto com todo mundo. Quando os segredos começam a vir a tona, e eles vem da pior maneira possível, eu me debulhei em lágrimas, sofri tudo o que tinha que sofrer. 

Talvez o que tenha me conquistado tanto é o fato do livro ter todo esse viés de drama, superação, de momentos difíceis e eu me identifico com essa história da vida dar tanta cacetada na gente e você não sabe de onde você tira forças, mas você consegue se levantar e a Ellery é assim, ela tira forças não sei de onde, mas ela sempre consegue. Sem falar que ela é uma pessoa pura, simples, eu poderia dizer que até ingênua, é bondosa demais, esta sempre pensando no bem estar dos outros.

O final é fechado, ele encerra o enredo de uma forma bem direta, tanto que o segundo volume é a mesma história, só que pela visão do Connor. 

A edição ficou linda, a editora Valentina sempre capricha muito nesse aspecto. Diagramação e revisão perfeita. 

Essa com certeza foi uma leitura marcante, gosto muito do gênero hot/erótico e esse livro com certeza entra para a minha lista de melhores leituras. 




18 comentários

  1. Oi Feh!

    Que livro lindoooo!!! *o* Estou apaixonada, eu quero! kkkkkk
    Tbm adoro esse gênero e já vou colocá-lo na minha lista de desejados!

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  2. Oioi! Não sou tão acostumada com livros desse gênero, mas desde que tenha uma história que me prenda bastante, eu não tenho nada contra mesmo! Na lista de desejados, já! Adorei a resenha. Beijocas :*

    ResponderExcluir
  3. Eu não gosto de ler livros hot, mas se a história for boa eu me aventuro no livro. Esse é um livro que me interessei em ler, e depois da resenha, acho que gostaria de lê-lo.

    Beijos :)

    ResponderExcluir
  4. Não curto muito esse gênero, mas sei lá, senti um sentimento diferente depois de ter lido essa sinopse e essa resenha. Parece ser muito emocionante, tocante, nossa estou louco para ler! Adorei o post, abraços ^-^

    ResponderExcluir
  5. O romance é muito clichê mas gostei da historia. O amor surge sempre de onde se menos espera. Não o leria no momento mas darei a oportunidade a ele futuramente.
    Gostei das capas dessa trilogia elas são muito bonitas.

    ResponderExcluir
  6. Eu gosto demais desse gênero, assim como vc sou super fã da troligia cinquenta tons de cinza. E este livro esta na minha lista p ler, mas agora com a sua resenha ele será o proximo a ser lido. Gostei muito de como vc narra o livro, me deixou com muita vontade de ler logo. :)

    ResponderExcluir
  7. Oi Fernanda, tudo bem? Gostei do enredo da história, só que não gosto de livros hot. Não é meu gênero, então não leria. Bjs

    ResponderExcluir
  8. eu até gosto de livros hots, mas a impressão que eu tenho é já li isso antes: a garota leva um pé na bunda e acha um cara gostosão que por um acaso tem/ teve várias mulheres e por isso o livro não me atraiu muito...
    mas concordo com vc a capa é muito linda ;) talvez entre um livro e outro e eulesse

    ResponderExcluir
  9. Como assim ela encontra uma cara bêbado, leva ele para a casa dele, e dorme lá???
    Achei um tanto inusitado, mas já que você diz que é apaixonante... Vou dar uma chancinha. Ainda mais sendo hot! hahaha
    A capa é muito linda mesmo e desde que lançou esse livro estava curiosa sobre ele.

    Beijinhos ;*
    http://www.guardiadebibliotecas.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Eu amo esse gênero, principalmente quando tem algo misterioso envolvido,
    A capa esta realmente incrível
    Ja tinha ouvido falarem muito bem dele vc só fez eu querer ele mais ainda.

    ResponderExcluir
  11. Eu adorei este livro *.*. Apesar dos vai e vem, o enredo me pegou e eu devorei-o rapidinho.

    ResponderExcluir
  12. Se antes eu já era curiosa pra ler esse livro, agora muito mais menina.
    Não sabia dessa comparação que rolava com 50 Tons, eu gosto dos livros mas, se esse não tem aquela enrolação toda e vai direto ao ponto, já ganhou mais pontos pra mim rsrs. E se eu fosse julgar pela capa, nunca diria que se tratava de uma história assim. Já quero!

    @Agda01

    ResponderExcluir
  13. É bom ler esses tipos de livros que tem um certo drama envolvido, acaba que aprendemos algo para ajudar nesse mundo louco que vivemos, sem contar que deve ser ainda melhor por ser hot, gosto dessas misturas.

    ResponderExcluir
  14. Mesmo não curtindo esse estilo de livro, por não ter o costume de lê-lo, eu confesso que o livro me chamou atenção. O que me atraiu não foi a história em si, mas o fato de que ela nos mostra que é possível superar seus problemas!

    ResponderExcluir
  15. Está na minha lista de leituras no skoob! Estou lendo Cinquenta Tons de Cinza, agora estou no último livro, e sempre achei a capa dessa trilogia muito linda... Agora fiquei mais curiosa ainda pra ler kkkkkkkk Amo o gênero, acho que vou gostar bastante. Quem sabe ele não passa na meta de leitura deste ano? ♥
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Oi
    Eu também vi alguns comentários comparando com 50 tons de cinza mas depois de o ler fiquei me perguntando da onde tiraram isso,achei a história bem diferente e mais profunda.Os personagens são apaixonantes e em certos momentos também me peguei chorando com os fatos narrados.Agora preciso do segundo livro pra saber como o Connor viu essa história toda.

    ResponderExcluir
  17. Oi Fê,
    Não imaginava que esse livro traz tantas lágrima =(
    Gostei muuuito de saber que a história se encerra nesse livro, mas acho que vou esperar um pouquinho porque quero conhecer a história é pela visão do Connor.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  18. Oi Fernanda.
    Posso dizer que essa foi a 1ª resenha leve e gostosa de ler sobre esse livro; devo confessar que havia me esquecido sobre o que se tratava. Fernanda, de acordo com sua resenha este livro não me parece ter nada de 50 tons de cinza (até prefiro). Espero que possa lê-lo em breve.

    Bjsss

    ResponderExcluir

Olá, agradeço pela sua visita. Deixe seu cometário também :D