Resenha - O Despertar do Príncipe - Colleen Houck

Edição: 1
Editora: Editora Arqueiro
ISBN: 9788580414363
Ano: 2015
Páginas: 384
Tradutor: Fernanda Abreu

O Despertar do Príncipe - Quando a jovem de dezessete anos, Lilliana Young, entra no Museu Metropolitano de Arte certa manhã, durante as férias de primavera, a última coisa que esperava encontrar é um príncipe egípcio ao vivo com poderes divinos, que teria despertado após mil anos de mumificação.E ela realmente não poderia imaginar ser escolhida para ajudá-lo em uma jornada épica que irá levá-los por todo globo para encontrar seus irmãos e completar uma grande cerimônia que salvará a humanidade.Mas o destino tem tomado conta de Lily, e ela, juntamente com seu príncipe sol, Amon, deverá viajar para o Vale dos Reis, despertar seus irmãos e impedir um mal em forma de um deus chamado Seth, de dominar o mundo.




“Um lírio do deserto não olha com ciúmes para uma reles violeta ”
Talvez o melhor livro do ano....

Ainda não sei como eu me surpreendo com os livros da Collen Houck, essa mulher parece que tem um baú de livros bons e vai tirando cada maravilha aos poucos, quando eu penso que ela não é capaz de me surpreender, ela joga uma bomba dessas no meu colo.

O Despertar do Príncipe conta a história de Lilliana Young, uma jovem de dezessete anos que não tem muito contato com os pais, ela sempre teve tudo o que quisesse na não, desde que estivesse disponível para eles quando preciso e que seguisse suas regras. Durante as férias ela vai fazer uma visita ao museu como de costume, mas o que ela não esperava é que iria encontrar um príncipe egípcio que acabou de despertar após mil anos mumificado. Amom é um príncipe poderoso que acordou para realizar a cerimônia que irá salvar o planeta. 

Ao acordar Amon não encontra os objetos que lhe conferem força vital e por isso cria uma ligação com Lily para ser capaz de se manter vivo até que encontre e desperte seus irmãos, para que juntos eles impeçam que Seth, um deus diabólico, possa dominar o mundo.



Houck conquistou uma legião de fãs desde o lançamento de A maldição do Tigre, não só pelo romance que envolve os leitores, mas também pela imensa carga cultural que a autora apresenta em seus enredos. Se antes já fomos conquistados pela excentricidade da cultura indiana, agora somos agraciados pela formidável e misteriosa cultura egípcia. 

Desde os tempos da escola eu sempre fui apaixonada pela cultura egípcia e quando fiquei ciente desse novo lançamento entrei em êxtase, não só pelo fato de que poderia apreciar uma nova visão das histórias que tanto conheci sobre deuses, mas por já conhecer a habilidade da autora de transformar tudo em mágica. 



Nunca fui fã de livros detalhistas, mas durante essa leitura eu me peguei implorando por mais e mais detalhes, a cada história que Colleen retratava sobre deuses, mais eu queria saber. Outra grande surpresa foi o fato da mocinha ser bem estabelecida na relação amorosa, ela sabe por quem seu coração bate mais forte e não fica dividida, sem saber o que fazer como era com Kelsey, na outra série. 

Todos os personagens são sensacionais e contagiantes, os momentos em que Lily precisa atualizar Amon dos costumes atuais são os grandes responsáveis pelo humor do livro e vai arrancar boas risadas do leitor. Logo percebemos que o romance não é o foco do livro, mas é impossível não se pegar desejando que algo mais acontecesse.





















    
Amon é realmente um príncipe, com toda a força da palavra. Ele esta sempre cuidando da Lilly, dizendo lindas palavras para elogia-la, é sempre tão carinhoso e paciente com ela que o nosso coração chega a bater mais forte no peito. 

Lilly é uma mocinha excepcional, forte e determinada, ela sabe o que quer e não vai desistir quando o primeiro obstaculo aparecer. Ela não fica se lamentando e chorando toda hora, e quando o faz é porque realmente teve motivos para isso. É uma personagem com uma personalidade única e juro que ela tem mais paciência que a maioria de nós.

Os irmãos de Amon, Asten e Ahmose são igualmente extasiantes e espero poder conhecer um pouco mais deles nos próximos livos. O final foi arrebatador, daqueles de provocar uma tremenda ressaca literária e um sentimento de desespero pela continuação que sabe-se la Deus quando vai sair. 

Até agora me pego pensando no quando ele livro foi marcante e surpreendente, a narrativa da Houck é tão fantástica e envolvente que é impossível para de ler esse livro, nem por dez minutos é possível, passei o dia e a noite inteira lendo, porque o sentimento de vazio era desesperador. 









   
É claro que eu não poderia deixar de comentar sobre a familiaridade entre os personagens dessa saga e os de A Maldição do Tigre, por diversas vezes me peguei pensando: - Nossa! Isso é o Ren total. Isso é o Kishan. Sem falar na história geral um tanto similar de se envolver em aventuras surreais, de buscar objetos e pessoas que possam contribuir para a realização de uma grande salvação.

O Despertar do príncipe dispensa qualquer recomendação, indico para qualquer público, com certeza é um dos melhores livros de fantasia que já pude conferir. Se tem algo que pode te tirar da realidade e te mostrar novos horizontes, com certeza é esse livro.

E essa capa gente? Não é um arraso? É digna de ocupar aquele lugarzinho de destaque na estante. 

27 comentários

  1. Oi Feh!!!

    Apaixonada é pouco! *o* rsrsrsrsrrsrs
    Consegui comprar meu exemplar e autografá-lo com a Colleen! Imagina a felicidade da doida! kkkkk
    Espero poder lê-lo logo, mas acho que vou esperar sair o segundo, pq neh? Esperar continuação é o ó! kkkkk

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  2. ahh!!!
    eu quero muito ler esse livro, me apaixonei pela collen por causa dos tigres, meu único medo é ficar desesperada por uma continuação que não existe ^^

    ResponderExcluir
  3. Também fiquei louca quando anunciaram esse livro, especialmente por causa da cultura egípcia *--*
    Com certeza entrou para os melhores do ano ♥
    Foi o primeiro da Colleen Houck que li, mas cada vez mais acho que devo ler A Maldição do Tigre hahaha
    Adorei os personagens também e, é claro, impossível não rir das atualizações de Lily haha

    Beijinhos ;*
    http://www.guardiadebibliotecas.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Fernanda, tudo bem? Não me interesso muito por mitologia, mas a egípcia tem um lugar especial no meu coração pois no início do ano fiz um trabalho super divertido sobre ela. Vou dar uma chance e quem sabe eu mude de ideia sobre as outras também? Acho muito difícil, mas.. :) Bjs

    ResponderExcluir
  5. Gostei muito da historia de Lily e Amon e cheia de aventura e ainda da espaço ao romance entre eles durante os desafios que surgem em sua missão Amon se monstra muito protetor em relação a Lily o livro tem uma capa linda e gostei da mitologia egípcia .

    ResponderExcluir
  6. Vindo da colleen não é de menos , to ansiosa pra começar a ler

    ResponderExcluir
  7. Eu ainda não li A Maldição do Tigre, mas sei que a saga é bastante conhecia e elogiada. Assim como A Maldição do Tigre, também quero ler O Despertar do Príncipe por conta da cultura que o livro nos proporciona. Além do livro ter uma linda capa, a história aparenta ser incrível. Sem falar que, após saber que os personagens são incrível, minha vontade de lê-lo só aumentou! hahah

    ResponderExcluir
  8. Eu amei a séria da Maldição do Tigre, estou morrendo de vontade de ler esta nova série, mas quero ler tudo de uma vez, não aguentaria esperar por cada livro!!

    Beijos :)

    ResponderExcluir
  9. Aventura na certa. Fico feliz em saber que o romance não é o foco, as vezes é bom se desprender disso e viajar por outros meios. E para falar a verdade me instigo mais em saber que o autor foge da mesmice e nos apresenta novos olhares.

    ResponderExcluir
  10. Estou louca para ler o meu, amo a saga do tigre, e tenho certeza que vou amar essa também, ainda que se trata de cultura egípcia que eu acho maravilhosa. Bjs

    ResponderExcluir
  11. Esse livro é o melhor livro lido depois da Caixa de pássaros, Colleen prende a nossa leitura do inicio ao fim, inserindo detalhes e ainda romantizando o enredo, eu simplesmente amei esse livro, doida pela sequencia.
    Bjkas

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Sou apaixonada pela Maldição do Tigre e por Colleen <3 Essa mulher é demais! Estou super ansiosa para ler este livro! Parece ser mesmo incrível! E pela sua resenha tenho certeza que amarei <3 A capa é divina mesmo *-*
    Beijos, Nathália
    http://livrosdagarotavermelha.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  13. Olá! Se tem um livro que estou louca para ler é esse! Nossa, a cada resenha fico com mais vontade ainda! O Egito Antigo sempre me fascinou e um livro com um enredo baseado nisso é um manjar dos deuses! Beijos!

    http://livrosepergaminhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Ola lindona estou doida para ler esse livro, essa mistura de romance, aventura e com um cenário como Egito não pode dar errado, confesso que a outra saga da autora não fluiu para mim. Mas tenho certeza que vou amar essa. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  15. Oláá
    Que bom que recomenda tanto a leitura, sinal que adorou mesmo, mas infelizmente o livro não chama minha atenção, mesmo assim, ótima resenha

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi
    Eu já tentei iniciar a série A maldição do tigre mas a leitura não foi pra frente então estou bastante curiosa com esse novo livro da Colleen ,espero ser conquistada por sua narrativa dessa vez.E é tão bom quando encontramos personagens determinados e que sabem o que querem,isso é um grande ponto positivo.E quero muito conhecer o Amon e seus irmãos.E eu também adoro a mitologia egípcia,esse é mais um dos motivos que pode me levar a amar a história

    ResponderExcluir
  17. Olaaa! Sobre a maldição do tigre: nunca me atrai por ele, sabe? Na verdade, nunca parei pra me analisar, mas já esse, me parece um pouco mais meu estilo... Adoro conhecer novas culturas, como a grega, a romana, e a egípcia, que realmente conheço muito pouco. Isso de trazer deuses a atualidade é um ponto fortíssimo (afinal, foi um dos motivos que me fizeram gostar tanto de Percy Jackson, que inclusive fala de deuses, etc). Já quero ler!!! Adorei a resenha, beijos

    ResponderExcluir
  18. A capa já é linda, e falando de Egito então... Só elogios, mas prefiro esperar a trilogia inteira (odeio ficar esperando!) kkkk Eu gostei da história, mas eu nunca li nada da Colleen, apesar de tantas recomendações. Fica para a próxima! ;)

    ResponderExcluir
  19. Oi Nanda,
    Diferente de você, não curto muito histórias egípcias, mas como sou apaixonada pela escrita da Collen Houck espero poder me encantar com esse príncipe que é o Amon rsrs.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  20. A capa é bonita e por se tratar do Egito me desperta muito interesse.
    Eu estou muito animado para ler esse livro, só não comecei ainda essa leitura porque vai demorar para lançar a continuação, então pretendo esperar um pouco. Sua resenha só me deixa mais ansioso para ler esse livro.

    ResponderExcluir
  21. Ok, ok... eu ainda não li nada da autora *vergonha nesse momento*
    Depois dessa resenha, creio que terei que rever minha listinha nada pequena de livros que tenha que ler, pra ontem. Fiquei empolgada com a sinopse, mas sua resenha elevou a outro patamar rsrs. É tão bom quando nos encantamos desse jeito com uma história.
    Bjos

    @Agda01

    ResponderExcluir
  22. Fernanda, eu adoro o Egito, eu não dava nada por este livro, mas definitivamente estou apaixonada e bemmmm curiosa. Espero ter meu exemplar m breve e efetuar esta leitura.
    ]
    Bjsss

    ResponderExcluir
  23. Lilly atualizando Amon dos costumes atuais realmente é imperdível, uma das melhores coisas do livro. Torci demais por esse romance, mesmo sabendo desde o início que não adiantaria muito. Amo o fato de não ter um triângulo amoroso, pelo jeito tem na outra série da autora, pelo que você falou, e isso me deu uma desanimada para conhecê-la. Enfim, adorei essa leitura, e a capa é realmente linda!

    Beijo.

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  24. Oi, tudo bem?
    Eu nunca li nada da autora. Tenho evitado passar raiva com triângulos amorosos, por isso corri de A maldição do tigre. Mas O despertar do príncipe me interessou, primeiro porque também sou fascinada pela cultura egípcia, e segundo, porque parece que não terá um triângulo. Adoro livros bem escritos, e pelo que você falou, esse é o caso. E não ligo se for detalhista, se isso vier para acrescentar, e não enrolar
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Fala Fefa, tudo bem?

    Po, espero que esse livro seja bom mesmo porque a série do Tigre eu gostei mas não achei nada demais. Vou ler O Despertar, espero que me surpreenda.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  26. Oi Fernanda, tudo bom?
    Sempre é bom ter indicações boas de livros e esse parece ser uma boa opção. Nunca li nada da autora, mas a outra série dela foi muito recomendada por minha prima que resenhou os livros no meu blog. Eu não sei nada sobre cultura egípcia, mas essa autora parece ter o dom de contar boas e bem trabalhadas histórias. Adorei sua resenha e fiquei bem curiosa com O Despertar do Príncipe.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  27. Feh, eu não me interessei nadinha pela série anterior da autora, mas essa está balançando meu coração. Preciso ler! Adoro quando os autores trazem novas culturas.
    Espero ler em breve.

    Beeeijos, Andressa
    Mais que Livros
    | Curtindo a Vida a Dois

    ResponderExcluir

Olá, agradeço pela sua visita. Deixe seu cometário também :D