Resenha - O Lado Feio do Amor - Colleen Hoover

Edição: 1
Editora: Galera Record
ISBN: 9788501105738
Ano: 2015
Páginas: 336
Tradutor: Priscila Catao

O Lado Feio do Amor - Quando Tate Collins se muda para o apartamento de seu irmão, Corbin, a fim de se dedicar ao mestrado em enfermagem, não imaginava conhecer o lado feio do amor. Um relacionamento onde companheirismo e cumplicidade não são prioridades. E o sexo parece ser o único objetivo. Mas Miles Archer, piloto de avião, vizinho e melhor amigo de Corbin, sabe ser persuasivo... apesar da armadura emocional que usa para esconder um passado de dor.O que Miles e Tate sentem não é amor à primeira vista, mas uma atração incontrolável. Em pouco tempo não conseguem mais resistir e se entregam ao desejo. O rapaz impõe duas regras: sem perguntas sobre o passado e sem esperanças para o futuro. Será um relacionamento casual. Eles têm a sintonia perfeita. Tate prometeu não se apaixonar. Mas vai descobrir que nenhuma regra é capaz de controlar o amor e o desejo.



Em O lado feito do amor vamos conhecer Tate Collins, ela acaba de se mudar para o apartamento do seu irmão Corbin, para se dedicar ao mestrado em enfermagem. Logo quando chega ela se depara com Miles Archer, um dos melhores amigos e vizinho do seu irmão. Miles é um misterioso piloto de avião, que esconde um doloroso passado e não quer nem saber de se envolver emocionalmente com alguém. Mas o que Miles e Tate não esperavam é que fossem se sentir atraídos um pelo outro. Em face disso, começa um relacionamento puramente sexual e ainda que Tate queira se envolver, Miles não abre nem uma greta da porta para deixa-la entrar em seu coração, ele não que saber de carinho, ou de dormir com alguém e por isso ele e Tate combinam que nada passará de apenas sexo. Mas será que eles são fortes o suficiente para aguentar todo esse peso?

Por que eu ainda me surpreendo com essa mulher?

Sinceramente eu não sei porque eu ainda me deixo surpreender por algo que a Colleen Hoover escreve, porque esta claro que ela é brilhante e sempre vai aparecer com enredos fantásticos e de partir o coração de todos os leitores. 


O enrendo como sempre é surpreendente, você imagina que vai encontrar uma coisa e encontra outra totalmente diferente, posso dizer que pensei em mil possibilidades sobre o passado tão ruim do Miles, mas nada se quer chegou perto do que de fato é. Chorei quando tive que encarar o passado do personagem, meu coração ficou apertado de tanta dó e por alguns instantes que me esqueci que não estava diante de uma história real. Acredito que o título do livro combina perfeitamente com o enredo. 

Os personagens são de deixar qualquer leitor sem palavras, apesar da descrição crua de Miles como um piloto de avião interessado em sexo, ele é muito mais do que isso. Ainda sem conhecer o passado dele, você é capaz de compreender todas as suas atitudes, é capaz de se apaixonar por esse homem maravilhoso e determinado.

Gostei muito do Corbin e do Ian, gostaria muito de conhecer um pouco mais sobre a história dos dois. Talvez Colleen possa nos presentear com alguns contos, não é mesmo?

A narrativa acredito que dispense qualquer comentário, envolvente, leve e rápida. É intercalada entre o presente, pelos olhos da Tate e o passado de Miles, narrado por ele. Em poucas horas é possível terminar e infelizmente você vai entrar em uma ressaca literária da pesada. Acho que fiquei quase uma semana tentando absorver o que eu tinha acabado de ler, até que eu conseguisse novamente ler alguma coisa. 



Não gostei da tradução do título, queria que a editora tivesse mantido Ugly Love como principal e não como título acessório. Também não gostei das folhas brancas, deixou a edição simples e com cara de edição de bolso, apesar da capa ser caprichada e ter detalhes. Outro ponto que não me agradou foi a diagramação interna. pois nos capítulos narrados pelo Miles, sobre o passado dele, o texto é todo centralizado, não era organizado ou com pontuações, achei tão embolado, que á primeira vista eu pensei até que o livro estivesse com erro. Mas acho que isso não foi por culpa da Record e sim do original do livro que já era assim e a editora somente manteve o padrão. 

O livro é engraçado, é romântico, é doloroso, me fez chorar, rir e me apaixonar. Eu não posso deixar de recomendar para o maior número de pessoas possível. Sabe aquele livro que você PRECISA que as pessoas conheçam? É esse. 





4 comentários

  1. Essa autora... É simplesmente maravilhosa. Todo livlro que ela escreve eu ainda consigo me surpreender, não sei como, mas sempre é aquilo que a gente não esperava. Não vejo a hora de ler esse, e ele deve com certeza entrar na minha lista dos favoritos junto com métrica e um caso perdido. Adorei a resenha, beijossss

    ResponderExcluir
  2. Eu adorei este livro...simplesmente perfeito! Deu vontade de quero mais *.*

    ResponderExcluir
  3. Oi Feh!

    Te entendo perfeitamente! rsrsrsrrs
    Apesar de só ter lido Métrica até agora, me encantei pela narrativa da autora, espero ter oportunidade de ler este volume tbm!
    Ótima resenha como sempre, adorei as fotos viu!

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  4. Eu gosto da autora, já li Métrica, mas ainda não li os outros livros dela, pretendo e já tenho na minha estante a maioria deles ^_^
    Abraços :)

    ResponderExcluir

Olá, agradeço pela sua visita. Deixe seu cometário também :D