Resenha // Incubus - Margaret Stohl // Kami Garcia

Edição: 1
Editora: Galera Record
ISBN: 9788501104625
Ano: 2015
Páginas: 252

Aqui, acompanhamos um dos mais carismáticos personagens da saga, Link, na tentativa de salvar a namorada Sirena Ridley Duchannes. Capturada por Silas Ravenwood, um Incubus das Trevas que a quer como cobaia em experimentos para mesclar poderes de mais de um Conjurador em apenas um corpo, a jovem pode estar prestes a enfrentar um perigo maior: a própria sede de poder. Afinal, se como Sirena ela é quase imbatível, imagine quando se tornar uma Sirena-Ilusionista? Ou Sirena-Cataclista? Desesperado, Link precisa reunir um grupo de amigos improváveis e até um rival para conseguir invadir os laboratórios de Silas e libertar sua amada. Antes que seja tarde demais.


Incubus é o segundo volume da série Dangerous Creatures que se passa no mesmo universo da já prestigiada série Beatiful Creatures. Nessa inovadora série os personagens principais são Link e Ridley.

Ridley é uma Sirena, ela foi chamada pelas Trevas e sua família lhe virou as costas, ela é uma vilã, é durona, de personalidade forte e difícil de lidar, ela não se importa em ter que usar seus poderes para tirar do seu caminho qualquer pessoa que ouse atrapalhar. 

Rid acaba sendo capturada por Silas Ravenwood que quer usa-la como cobaia para certos experimentos, a cada dia que ela passa nas mãos de Silas, mais ela sofre. E por isso Link esta desesperado, ele precisa arrumar uma forma de salvar seu grande amor, mesmo que para isso precise se aliar a pessoas improváveis. Enquanto isso, Nox também planeja uma forma de liberar Ridley.

O livro se mantém narrado em terceira pessoa, pelas visões de Ridley, Nox e Link e fiel a sua narrativa fácil e rápida. Se a primeira série das autoras era conhecida pelo enredo de certa forma arrastado e lento, essa nova série é totalmente o oposto. 

Essa é uma série bem objetiva, sem enrolações, mas surpreendente, as autoras nos apresentam novos significados para o enredo sobrenatural, conhecemos personagens incríveis e espécies únicas. E como sempre elas não deixam de fechar o livro com chave de ouro, sempre com finais arrasadores. 

Incubus não é um livro focado em romance, mesmo porque essa característica não combina muito bem com a Ridley. Esse foi um livro é mais intenso no quesito ação do que o primeiro. Os acontecimentos chegam a ser agoniantes, deixa o leitor desesperado e ansioso para saber o que vai acontecer. Eu fiquei com o coração apertado nas cenas com a Ridley, ela não merecia passar por tudo o que passou. 

O final do livro foi realmente de derrubar forninhos, fiquei em choque e incrédula com o que aconteceu. Realmente vai ser desesperador aguardar até o próximo livro. Gosto muito dessa qualidade que as autoras tem de manter o mistério da história e deixar o leitor curioso e preso a série. 

Meu personagem preferido continua sendo o Link, amo a paixão que ele emana, seus bons sentimentos, sua fidelidade e alegria. Também adoro a Ridley, é um dos poucos personagens que podem agir com toda a sua malvadeza e nós não vamos nos importar.

A capa é no mesmo padrão dos outros livros da série, é bonita, mas não é sensacional. A revisão perfeita. 



6 comentários

  1. Ainda vou ler a série Beatiful Creatures, e já me interessei por esta nova série ^_^

    ResponderExcluir
  2. Oi Feh! Td bem?

    Eu ainda não terminei a série Beautiful Creatures, falta o livro 19 Luas. Tenho ele e pretendo ler logo... vamos ver! kkkkk
    Tbm tenho o primeiro livro desta série, mas tbm, não li! Adoro o Link e quero muito conferir essa história!

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  3. A capa não me chama a atenção. Não conheço a série, mas a resenha me chamou a atenção, e falou de romance, é comigo mesmo. rs Amo livros de romance, mas a capa podia chamar mais atenção. Futuramente estará na minha lista de livro. Vou esperar a resenha do próximo, pesquisar sobre a série.

    ResponderExcluir
  4. Fiquei seis meses longe e já tem um milhão de livros novos pra ler, oh Jesus!

    ResponderExcluir
  5. Não tive vontade (ainda) de ler Beatiful Creatures, não sei porque.. Mas gostei da resenha desse,pareceu bem interessante. Acho que por ele vou dar uma chance a serie :p

    ResponderExcluir
  6. Ooi! Lembro que quando surgiu, na mídia,eu ouvi falar tão mal de Beautiful Creatures, que nunca cheguei nem a dar uma oportunidade, e agora vem uma série ambientada no mesmo universo, não sei como lidar com a situação ahahah quem sabe lendo alguma resenha do primeiro pra não ficar tão perdida assim na história? Ainda assim, reconheço que parece um bom livro, pra quem gosta do estilo. Beijosss!

    ResponderExcluir

Olá, agradeço pela sua visita. Deixe seu cometário também :D