Resenha - Filha das Trevas - Kelly Keaton

Ano: 2016 / Páginas: 288
Idioma: português
Editora: Galera Record

Ari se sente perdida e solitária. Com olhos azul-esverdeados e cabelos prateados esquisitos, que não podem ser modificados nem destruídos, sempre chamou a atenção por onde passava. Depois de crescer em casas adotivas, tudo o que quer é descobrir de onde veio e quem ela é. Em sua busca por respostas, encontra uma mensagem escrita pela mãe morta há muito tempo: fuja. A garota percebe que precisa voltar para o local de seu nascimento, Nova 2 — a cidade luxuosa, que foi inteiramente remodelada —, em Nova Orleans. Lá, ela é aparentemente
Ari sempre se sentiu deslocada onde quer que fosse; com seus olhos esverdeados e cabelos prateados (que mesmo que ela pinte, misteriosamente volta a ser prateado), ela sempre se sentiu uma aberração entre as outras pessoas.

Ari é órfã e, em busca de respostas sobre o que aconteceu com sua mã, ela acaba indo parar em Nova 2, uma cidade misteriosa que acreditam abrigar seres sobrenaturais. Lá, ela conhece outras pessoas que se sentem deslocadas como ela e começa a descobrir mais sobre seu passado e sobre uma maldição que assola sua família.

Filha das Trevas me pegou de surpresa. Só depois de começar a ler foi que descobri que o livro é o primeiro de uma série que eu sempre quis ler (por causa da troca da capa, eu não percebi) e fiquei bastante surpreso sobre o enredo, que é bem diferente do que eu imaginava.

O livro é bem misterioso e prazeroso de ler. Mesmo trazendo elementos já clichês em livros de fantasia, a autora consegue dar seu toque pessoal à trama, o que foi maravilhoso. Além de tudo, a autora tem uma escrita muito fluida, o que torna a leitura fácil de pegar ritmo e se prender. O enredo é cheio de segredos que instigam o leitor a ler para descobrir o que vai acontecer e o final deixa o leitor ansioso para ler a continuação.

Algumas coisas poderiam ter sido mais bem exploradas, mas por o livro ser relativamente pequeno, espero que a autora trabalhe melhor essas coisas nos próximos livros (são 4). Mas, em suma, Filha das Trevas é uma ótima fantasia, cheia de mistérios, ação e um bom romance. Perfeito para quem gosta de um bom YA sobrenatural.

Leitura recomendada :)

Nenhum comentário