Resenha - Winter - Marissa Meyer

Ano: 2016 / Páginas: 688
Idioma: português
Editora: Rocco Jovens Leitores

Bestseller do The New York Times, a série Crônicas Lunares conquistou os leitores com sua releitura high-tech de contos de fadas tradicionais. Depois de Cinder, Scarlet e Cress, inspirados, respectivamente, nas histórias de Cinderela, Chapeuzinho Vermelho e Rapunzel, Marissa Meyer entrega a eles o último capítulo da série, em que reconta a história de Branca de Neve com tintas distópicas. Na trama, a princesa Winter vive subjugada por sua madrasta, Levana, que inveja sua beleza e não aprova os sentimentos da jovem pelo amigo de infância e belo guarda real Jacin. Mas Winter não é tão frágil quanto parece, e, junto com a ciborgue Cinder e seus aliados, a jovem princesa é capaz de iniciar uma revolução e vencer uma guerra que já está em andamento há muito tempo. Será que Cinder, Scarlet, Cress e Winter podem derrotar Levana e encontrar seus finais felizes?

Esse quarto livro da série Crônicas Lunares foi inspirado na história da Branca de Neve e conta a história de Winter, a princesa de Luna e enteada da insuportável da rainha Levana que vive perturbando a enteada e morre de inveja de sua beleza impressionante. Winter nunca usa o glamour, e por isso sofre da doença lunar, que a provoca alucinações. 

Winter é mais corajosa do que parece e acaba se juntando a Cinder e seus aliados para começar a revolução Lunar e colocar no trono a rainha por direito, Cinder. 

Essa é uma série que apesar de baseada nos tradicionais contos de fada, em nada se assemelha a eles, é um enredo repleto de aventuras, muita ação e inúmeras batalhas. É um livro em que o romance definitivamente não é o foco. A revolução é épica e o reinado de Levana esta chegando ao fim. 

Marissa Meyer tem um dom incrível de criar enredos geniais, originais e talvez surreais, você fica pensando em como uma pessoa conseguiu pensar em tudo aquilo. É uma história de ficção única e incrível, o que torna a leitura viciante e apaixonante, é impossível não se deixar conquistar pela série como um todo. 

De certo esse não foi o meu livro preferido e minha personagem preferida continua sendo Cinder. No entanto, amei a amizade que criou-se entre Scarlet e Winter <3 Scarlet, no começo, acha que não pode confiar em Winter, afinal a princesa tem certos rompantes de loucura e esta muito próxima a rainha Levana, mas acho que no final a confiança impera e surge uma forte amizade. 

Winter é apaixonada por Jacin, um guarda real, o protetor de Winter nos momentos de dificuldade desde a infância, mas ele acha que não esta a altura dela, por ela ser uma princesa e apesar de ser completamente devoto a Winter, não quer deixar a paixão tomar conta. No fim, achei meio pombo esse romance.

Acredito que Marissa tenha conseguido encerrar a série de uma maneira espetacular e de certo modo conseguiu sem deixar pontas soltas. 

O ponto chave dessa série, além da originalidade, é o valor que a autora dá a amizade e eu gosto bastante quando em séries desse gênero, o romance deixe de ser prioridade e a autora foque nesse sentimento tão altruísta, é incrível como os personagens dão valor a amizade e não medem esforços para ajudar o outro. 

Toda a ambientação da série é fantástica e acho que só lendo para ter tal consciência. A evolução dos personagens ao longo da série foi palpável e gosto disso, odeio quando o autor acaba se perdendo no meio da série e levando para o buraco os personagens. 

Nenhum comentário