Resenha - Escândalo de Cetim - Loretta Chase

Ano: 2016 / Páginas: 272
Idioma: português
Editora: Arqueiro

Irmã do meio entre as três proprietárias de um refinado ateliê de Londres, Sophia Noirot tem um talento inato para desenhar chapéus luxuosos e um dom notável para planos infalíveis. A loura de olhos azuis e jeito inocente é na verdade uma raposa, capaz de vender areia a beduínos. Assim, quando a ingênua lady Clara Fairfax, a cliente mais importante da Maison Noirot, é seduzida por um lorde mal-intencionado diante de toda a alta sociedade londrina, Sophia é a pessoa mais indicada para reverter a situação. Nessa tarefa, ela terá o auxílio do irmão cabeça-dura de lady Clara, o conde de Longmore. Alto, musculoso e sem um pingo de sutileza, Longmore não poderia ser mais diferente de Sophia. Se a jovem modista ilude as damas para conseguir vesti-las, ele as seduz com o intuito de despi-las. Unidos para salvar lady Clara da desonra, esses charmosos trapaceiros podem dar início a uma escandalosa história de amor... se sobreviverem um ao outro. Em Escândalo de Cetim, segundo livro da série As Modistas, Loretta Chase nos presenteia com um dos casais mais deliciosos já descritos. Além de terem uma inegável química, Sophia e Longmore são divertidos como o rodopiar de uma valsa e sensuais como um corpete bem desenhado.

Quem leu a minha resenha do primeiro livro dessa série sabe o quanto essa nova série da Loretta Chase ganhou o meu coração. Eu estava ansiosíssima por esse livro pois no livro anterior eu já tinha me apaixonado por esses novos protagonistas. 

Em Escândalo de Cetim temos a jovem Sophia, a irmã do meio entre as três proprietárias de um famoso ateliê de costura. Sophia é uma mulher inteligente, de língua e mente afiada, ardilosa, esperta e sabe interpretar muito bem qualquer papel para conquistar novas clientes, ela é a grande responsável por promover e divulgar o ateliê da família. 



Quando a jovem Clara Fairfax, já conhecida do livro anterior, é seduzida por um infame e mal intencionado lorde, Sophia é procurada pelo Conde Longmore, o irmão de Clara, com o objetivo de reverter a situação na qual Clara foi exposta. 

O conde Longmore, é petulante e irritante e eu sempre soube que ele se encaixaria perfeitamente com Sophia. Um casal praticamente real, um romance apaixonante, com uma dose de ironia e muito sarcasmo. Eles se metem em poucas e boas e amei o fato de tudo ser sensual e não sexual, acredito que a história pedia isso. 

Esse segundo livro só veio confirmar o meu amor pelas irmãs Noirot, sem dúvida alguma é uma das melhores famílias de romance de época. Mal posso esperar pelo próximo livro. 



Loretta não tinha me convencido tanto assim com seu livro Príncipe dos Canalhas, mas quando eu conheci essa série acabei me apaixonando pela autora. Sedução da Seda entrou para a lista de um dos melhores livros que eu li no ano passado e Escândalo de Cetim não ficou nada longe, o livro é igualmente delicioso de ler, uma narrativa divertida e que abraça o leitor com um enredo divertido e contagiante. 

Não tenho dúvidas que essa série é capaz de conquistar qualquer amante, ou não, de romances de época. Ele apresenta todos os elementos essenciais para um bom livro, narrativa sem igual, enredo criativo e bem humorado e um casal incrível. 

A capa é maravilhosa, assim como a do primeiro livro e elas condizem perfeitamente com a essência da série. A revisão e diagramação impecáveis. 



  

2 comentários

  1. Agora fiquei curiosa com sua resenha !!! Mas acho que vou esperar o outros,ja me basta ter que espera o terceiro do TKD rsrsrs sou muito ansiosa !!

    ResponderExcluir
  2. Amei demais essa série! Já li os dois e estou enlouquecendo esperando o terceiro! ❤

    ResponderExcluir

Olá, agradeço pela sua visita. Deixe seu cometário também :D