Resenha - A Herdeira da Morte - Melinda Salisbury

Ano: 2016 / Páginas: 320
Idioma: português
Editora: Fantástica Rocco

Twylla tem 17 anos, vive num castelo e, embora seja noiva do príncipe, não é exatamente um membro da corte. Ela é o carrasco. Primeiro de uma surpreendente série de fantasia, Herdeira da Morte conta a história de uma garota capaz de matar instantaneamente qualquer pessoa que ela toca. Até mesmo seu noivo, cujo sangue real supostamente o torna imune ao toque fatal de Twylla, evita sua companhia. Porém, quando um novo guarda chega ao castelo, ele enxerga a garota por trás da Deusa mortal que ela encarna, e um amor proibido nasce entre os dois. Mas a rainha tem um plano para acabar com seus inimigos, e eles incluem os dons de Twylla. Será que a jovem se manterá fiel a seu reino ou abandonará tudo em nome de um amor condenado?

Twylla poderia se considerar abençoada ao pensar que foi escolhida pelos deuses para se casar com o príncipe e governar o reino, se também não tivesse sido amaldiçoada por eles: seu toque é mortal. Ser a queridinha dos deuses tem um preço e, para Twylla, esse preço é bem alto; ninguém pode tocá-la sem morrer. Até mesmo seu noivo, cujo sangue real o torna imune ao seu poder, evita estar com ela. 

Ela pode viver num castelo, ser noiva de um príncipe, mas está longe de ser uma princesa. Na verdade, ela é o carrasco; qualquer um que decepcione a Rainha é levado a ela para morrer.



Até que alguém novo surge em sua vida e enxerga a garota por trás da Deusa encarnada, e a atração é inevitável. Twylla é prometida ao príncipe.. então, como poderia trair seu compromisso sabendo do que a Rainha é capaz? Mas esse problema fica para trás quando ela descobre que a Rainha é mais obstinada do que ela imaginava e tem planos poderosos em andamento. Twylla fará o que é preciso para salvar o reino, ou escolherá viver seu amor proibido?

“Ele encara o chão e, no meu peito, sinto uma pontada que reconheço como o princípio de um coração partido.”

Gente, desculpem o surto, mas vamos primeiramente admirar o lacre que é a premissa desse livro? Eu já comentei aqui que não leio sinopses de livros, então foi uma surpresa pra mim até o momento que eu realmente peguei pra ler. Eu li a aba e fiquei MEU DEUS DO CÉU :O Sério, eu me apaixonei por essa premissa! Admito que eu fiquei com medo de ser algo bem "Estilhaça-Me", mas o livro acabou me surpreendendo bastante e já é uma das melhores leituras do ano!



O livro é narrado em primeira pessoa e é REPLETO de fantasia, de intrigas, de personagens maravilhosos (e FDP's também) e também muito romance proibido (amo). Mesmo com o príncipe evitando Twylla, o livro ainda tem um pouquinho de triângulo amoroso aí, já que a personagem fica dividida entre o único homem que pode tocá-la e o único que a enxerga realmente (nisso, lembra bastante a trilogia da Tahereh Mafi), mas não vi isso como um problema para o livro.

Eu gostei da personagem; achei ela uma garota forte, mesmo com tudo dando errado, mas também vi um grande potencial de crescimento nela e espero que ela seja mais bem desenvolvida nos próximos livros (acho que é uma trilogia, até agora). Os demais personagens também são bons; alguns são misteriosos, mas todos me pareceram bem desenvolvidos para um primeiro livro de série.



Em suma, eu amei esse livro. Ele me surpreendeu muito positivamente e me conquistou desde o começo. Gostei mesmo do enredo e já estou ansioso pelo segundo livro, The Sleeping Prince.


Nenhum comentário

Postar um comentário

Olá, agradeço pela sua visita. Deixe seu cometário também :D