Resenha - 1+1 A matemática do amor - Augusto Alvarenga e Vinícius Grossos

Ano: 2016 / Páginas: 256
Idioma: português
Editora: Faro Editorial

Lucas e Bernardo são dois garotos, melhores amigos um do outro de toda a vida. De repente, recebem a notícia de que Bernardo irá se mudar com a família para outro país. Nesse momento, cada um a seu modo, percebe como valiosa era aquela amizade, algo que não queriam perder. Bernardo reage mal e se revolta. Lucas tenta transformar cada dia que resta com o amigo na melhor experiência de suas vidas. Ele escreve uma lista de coisas para fazer e pretende cumprir uma por uma, em todos os detalhes. Mas, a cada dia, o fantasma da separação os assombra com um cronômetro lembrando que o tempo se esgota e, ainda assim, os dois passam por grandes momentos juntos. Então os meninos percebem que há algo mais entre eles... um sentimento profundo, que não conseguem explicar e tornam todas aquelas experiências ainda mais intensas. Mas o que fazer com tudo isso quando se tem apenas 16 anos?

O livro conta a história de Lucas e Bernardo, dois jovens que sempre foram melhores amigos. Mas, uma notícia pode mudar completamente a vida dos dois. Bernardo acaba de receber a notícia de que terá que se mudar com sua família para Portugal. Diante desse notícia, Lucas resolve planejar as férias perfeitas para se despedir de seu grande amigo.

É em meio a esses dias inesquecíveis que os jovens percebem que existem um algo a mais entre eles, e agora eles terão que aprender a lidar com isso.

A princípio, quando eu iniciei a leitura, achei os dois jovens muito infantis par a idade deles, Lucas parecia tão imaturo e isso as vezes me irritava. Confesso que custei a me prender na história dos dois jovens, a linguagem utilizada por eles realmente me incomodava, as atitudes infantis, o fato deles serem tão dependentes dos pais também foi algo um pouco estranho de engolir.

Eu sempre tive uma excelente relação com a minha mãe, ela sempre foi minha melhor amiga Mas ,convenhamos que é meio fora da curva que meninos adolescentes sejam tão dependentes dos pais, achei isso um pouco estranho.



A narrativa dos autores é excelente, é impossível você não ficar curiosa com as próximas páginas do livro e torna difícil a tarefa de ler apenas algumas páginas por vez. Comecei a leitura com o pensamento de ler um pouco a cada dia, mas quando eu vi já tinha terminado.

1 + 1 A matemática do amor retrata perfeitamente os problemas dos jovens em descobrir a sua sexualidade. Lucas e Bernardo estão assustados, como qualquer outra pessoa ficaria, eles não sabem o que fazer com todo aquele sentimento e não sabem como a sociedade e os amigos vão reagir quando descobrirem que eles são gays.

O livro é bem próximo a realidade, mostra o quando a maioria das pessoas ainda é preconceituosa com a opção sexual dos outros. Gostei de como os autores preferiram abordar a aceitação dos pais de uma maneira bem diferente do normal, isso fez o livro fugir do clichê.

1 +1 é uma leitura muito deliciosa e leve, em uma tarde é possível terminar a história de Bernardo e Lucas. O livro deixa um gostinho de quero mais, deixa o leitor curioso pela continuação da história desses personagens tão singulares.

Esse é um livro que fala sobre descobertas, sobre aceitação, é um livro que quebra paradigmas. Uma leitura bem prazerosa e recomendada a todos.


2 comentários

  1. Amei a resenha, amo livros que abordam esse tema ,porque sim ,ainda existe muito preconceito, sempre tem uns livros mais leves e outros bem pesados,mas que nunca fogem da realidade!achei acapa muito bem legal !

    ResponderExcluir
  2. Amei a resenha.
    Tenho uma queda por livros com temas pesados, acho algo muito importante para todos, principalmente pra ter o conhecimento de algo que desconhecemos.
    Beijos ❤

    ResponderExcluir

Olá, agradeço pela sua visita. Deixe seu cometário também :D