Resenha - Mente - Audrey Carlan

Título: Mente
Autor: Audrey Carlan
Editora: Verus
Ano: 2017
Páginas: 275

Este segundo volume da série Trinity mergulha mais fundo no coração e na mente de Gillian e de seu assediador, por meio de ambos os pontos de vista. Da autora de A Garota do Calendário. Gillian está radiante com sua aliança de noivado. Em breve ela vai se casar com o bilionário e sedutor Chase Davis. Mas é difícil manter a alegria quando tem um maníaco atrás dela. Enquanto Chase e Gillian planejam o casamento, o perseguidor elabora seu plano de vingança. A princípio Gillian não dá tanta importância às ameaças desse homem — que ninguém sabe quem é —, até ele tomar uma atitude extrema que vai deixar o casal e seus amigos arrasados. Será que Chase vai conseguir usar todo o seu poder e dinheiro para proteger Gillian desse lunático? Talvez seja tarde demais para perceber o perigo mortal que ela está correndo... Com flashbacks perturbadores do passado de Gillian e a tragédia que esse homem misterioso traz para o presente, o leitor será cada vez mais atraído por esta história sombria, erótica e eletrizante.

Mente é o segundo livro da série Trinity e começa a mergulhar na mente de Gillian e de seu assediador. Gillian acaba de ser pedida em casamento por Chase Davis e o casamento vai acontecer em breve. Mas é difícil conseguir se manter sã quando tem um maníaco te perseguindo. Ninguém sabe quem é o louco atrás de Gillian, que a princípio não dá muita importância para o que ela acredita ser um mero admirador, até que o perseguidor toma uma atitude extrema que faz o casal repensar todas as suas atitudes. 

Enquanto o primeiro livro abordava de maneira superficial o passado de Gillian e explorava a sexualidade de uma nova paixão, Mente é um livro misterioso e muito perturbado. O livro é narrado por diversos pontos de vistas e por meio disso, Audrey nos apresenta um perseguidor perturbado e eloquente. A princípio é fácil que o leitor desconfie da pessoa mais óbvia para ser o perseguidor, mas aos poucos você vai percebendo que tem algo muito maior nessa história. 

Chase continua muito possessivo, o que poderia até ser irritante, se não fosse esse fato o que ajudasse a proteger Gillian e as pessoas que estão ao seu redor. Gostei de ver como ele se preocupou com todas as pessoas que ela ama e não deixou de tentar proteger ninguém. 



Só vamos saber realmente quem é o perseguidor no final do livro, eu já estava desconfiada de uma pessoa e não fiquei surpresa quando me peguei certa. Mas, digo que Audrey conseguiu ser bem surpreendente e criativa, ela conseguiu construir muito bem toda a trama do livro. 

A narrativa mantém o padrão do primeiro livro e é impossível não manter a avidez durante a leitura, Audrey faz com que o leitor mergulhe na mente de Gillian, no seu passado extremamente perturbador. 

Aqui conhecemos ainda mais o seu sofrimento e acho importante que a autora aborde assuntos tão pesados como a violência doméstica, tanto física como psicológica. Eu senti tanta raiva por Gillian, tanto medo, angústia. Mente foi com certeza um livro que mexeu com a minha mente, abalou completamente o meu psicológico. Aqui encontraremos cenas muito fortes e até mesmo perturbadoras. Tudo isso me fez avaliar a violência doméstica com outros olhos, é incrível como a violência psicológica é capaz de causar estragos quase tão piores que a física.

A série cresceu muito nesse livro, ganhou um proporção incrível e o final desse livro é de deixar qualquer leitor enlouquecido pela continuação. Eu já li e confesso que fiquei bem chocada com os acontecimentos.

Os personagens secundários continuam com um papel importantíssimo na série, chorei horrores com alguns acontecimentos. Os amigos de Gillian são postos a prova a todo momento e sinceramente tem que ser muito leal mesmo, pra continuar andando ao lado dela com esse perseguidor a solta, qualquer pessoa que mantenha relação com ela praticamente ganhou um alvo nas costas.

A capa mantém o padrão do primeiro livro, só altera a cor. A diagramação e revisão impecáveis.

Semana que vem eu apareço com a resenha do terceiro livro da série e o último livro sobre o casal Gillian e Chase. Recomendo muito essa série, não pensem só em uma série hot, porque não é, ela começa focada nesse gênero, mas depois vira algo muito maior do que isso. E se forem começar a ler a série, já tenham os três livros em mãos, porque é impossível terminar um e não ter vontade de começar o outro. 

Estou bem ansiosa pelos próximos livros, poder conhecer melhor os outros personagens da série, será muito gratificante. 



4 comentários

  1. Me pareceu bem interessante, ainda mais pelo tema q aborda, como sempre uma ótima resenha e fotos maravilhosas

    ResponderExcluir
  2. Acho legal essa reviravolta no segundo livro que nos contou.
    Gosto de livros hot,mas que possuam um bom conteúdo.
    E como adoro um certo mistério,sei que vou gostar dessa série.
    Sem contar as capas que estão lindas!

    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Não li o primeiro, confesso que achava que seria uma série hot rs. Que livro perturbador deve deixar o leitor aflito, fiquei me perguntando se vou acertar quem é o perseguidor geralmente erro, que bom que a autora surpreende é muito bom.

    ResponderExcluir

Olá, agradeço pela sua visita. Deixe seu cometário também :D