Resenha - Jogo das Sombras - Christine Feehan

Título: O Jogo das Sombras
Autor: Christine Feehan
Editora: Universo dos Livros
Ano: 2018
Páginas: 368


Christine Feehan, autora premiada e best-seller do The New York Times e do USA Today apresenta o primeiro livro de sua série Ghostwalkers – O jogo das sombras, um livro intenso, sombrio e incrivelmente seduzente. Este experimento secreto é criação do renomado cientista Peter Whitney e sua brilhante filha, Lily. Criado para aprimorar as habilidades psíquicas de um esquadrão de elite, as transformações permitem que o poder mental desses homens se transforme em uma incrível arma militar. Entretanto, as cobaias começam a morrer misteriosamente nos laboratórios secretos, sempre vítimas de acidentes bizarros, e o capitão Ryland Miller sabe que ele será o próximo. Quando o dr. Whitney é assassinado, Ryland sabe que agora só poderá confiar na bela Lily. Possuidora de um sexto sentido excepcional, ela compartilha com Ryland cada novo medo, cada traição e cada suspeita que surge nos laboratórios. Contudo, ambos compartilham muito mais do que os próprios medos e terão de lidar com a paixão que os atrai enquanto desvendam os segredos por trás de tantas mortes.

O jogo das sombras é o primeiro livro da série Ghostwalkers, aqui conheceremos o experimento secreto do renomado cientista Peter Whitney e sua filha Lily, que foi criado para aprimorar as habilidades psíquicas de um esquadrão de elite, as transformações permitem que o poder mental desses homens se transforme em uma incrível arma militar. Contudo, as cobaias começam a morrer de forma misteriosa, vítimas de acidentes estranhos e o Capitão Ryland Miller sabe que será a próxima vítima. 

O doutor Peter Whitney é assassinado e Ryland agora só poderá confiar em Lily. A jovem também conta com dons especiais e compartilha todos os seus sentimentos com Ryland. Uma paixão avassaladora surge entre os dois e eles precisarão lidar com tudo o que esta acontecendo ao mesmo tempo. 

Eu gosto muito da escrita da Christine Feehan, li outros livros dela antes desse e sempre gostei de sua narrativa envolvente e das cenas sensuais muito bem descritas. Também gosto muito do toque de mistério e investigação que ela coloca em seus livros, todos esses pontos combinados deixam o livro muito agradável. Só que esse livro foi um sério problema na minha vida, o começo de O jogo das sombras foi muito arrastado e confuso, eu fiquei tão confusa com os capítulos iniciais que pensei até em abandonar, ainda bem que não fiz isso, porque da metade em diante foi um espetáculo. 



Os dois grandes problemas desse livro foram, primeiramente o excesso de informações logo no início, mal somos apresentados aos personagens principais e a autora já começa a jogar um mundo de informações sobre os experimentos do Dr. Whitney e os vários personagens, tive que ler tudo com muita calma e voltar as páginas uma penca de vezes até conseguir entender tudo. Como era o primeiro livro da série, acho que Christine poderia ter ido com mais calma. 

Em segundo, foi o casal protagonista. SOS! não desceu gente, no primeiro capítulo o homem já estava louco pela mulher, declarando amor sem nem conhecer a mulher direito. Entendi o fato de que eles tinham um fatos psíquico que os deixava atraídos um pelo outro, mas achei tudo tão rápido e exagerado que toda vez que tinha cena entre Ryland e Lily eu tinha vontade de revirar os olhos. 

O meu ranço pelo casal não conseguiu estragar o livro, gostei demais do mistério central da trama e dos personagens secundários, estou louca para conhecer um pouco mais sobre os outros Ghostwalkers e descobrir como cada um ficou depois do que se desenrolou nesse livro, tenho certeza que ainda tem muita coisa pra acontecer. 

O livro é uma mistura de sobrenatural com mistério e romance. Quem não gosta né? Acho que tudo ficou dosado de maneira perfeita, principalmente a parte do sobrenatural que achei bem criativo.

A narrativa de Christine continua incrível e justamente por isso eu devorei o livro da página cem em diante, não conseguia parar de ler. Esse livro foi só o começo da série e por isso darei um desconto pelos erros desse livro e continuo ansiosa pela continuação. Dei 3,4 estrelas pelo livro, por isso que vou deixar a avaliação como nota três. Por mais que eu tenha gostado do bastante do livro num contexto geral, o começo foi péssimo, sorry Christine. 

A capa é linda, revisão e diagramação impecáveis. 




6 comentários

  1. Uau
    Um livro de suspense
    Também não gosto desses casais que antes de se encontrarem direito já saí declarando amor eterno, e o desenvolvimento do relacionamento fica como
    Ótima resenha

    ResponderExcluir
  2. Fiquei interresada, vai pra lista interminável de desejados, eu amo essa mistura de sobrentural com mistério e romance.

    ResponderExcluir
  3. Gostei bastante da resenha , não conhecia nem o livro nem a autora !! É uma pena que o casal não seja tão legal , o bom que mesmo assim o livro valeu a leitura

    ResponderExcluir
  4. Odeio esses começos cansativos e casais que se envolvem muito rápido, gosto de um clima antes rs. Mas tem mistério que adoro, quem sabe leio.

    ResponderExcluir
  5. Ótima resenha! Não conhecia a autora ainda,mas vejo que ela mistura sobrenatural, romance e suspense em suas obras. Elementos esses que sempre nos rendem ótima leituras!

    ResponderExcluir

Olá, agradeço pela sua visita. Deixe seu cometário também :D