Resenha - Vox - Christina Dalcher

2 de outubro de 2018

Título: Vox
Autor: Christina Dalcher
Editora: Arqueiro
Ano: 2018
Páginas: 320


O governo decreta que as mulheres só podem falar 100 palavras por dia. A Dra. Jean McClellan está em negação. Ela não acredita que isso esteja acontecendo de verdade. Esse é só o começo...
Em pouco tempo, as mulheres também são impedidas de trabalhar e os professores não ensinam mais as meninas a ler e escrever. Antes, cada pessoa falava em média 16 mil palavras por dia, mas agora as mulheres só têm 100 palavras para se fazer ouvir. 
...mas não é o fim. Lutando por si mesma, sua filha e todas as mulheres silenciadas, Jean vai reivindicar sua voz.

Vox é uma distopia, não muito distante dos dias de hoje e se passa no Estados Unidos. O país foi dominado por extremistas religiosos que agora comandam tudo. As mulheres são impedidas de trabalhar e os professores não ensinam mais as meninas a ler e escrever, agora é tudo sobre religião, contas para ajudar nos afazeres do lar, culinária e por ai vai. Mas o principal é que agora as mulheres só podem falar apenas 100 palavras por dia. 

As mulheres, inclusive crianças, agora andam com uma espécie de pulseira com contador que vai registrando todas as palavras ditas, ao chegar em 101 palavras, elas tomam um leve choque e a intensidade desse choque vai aumentando a medida que palavras extras vão sendo ditas. Muita coisa mudou por causa disso, as festas acabaram, as reuniões e jantares entre amigas, telefonemas e até mesmo os e-mails foram proibidos para as mulheres, elas agora nem mesmo podem ter acesso ao computador, tais coisas são permitidas somente ao chefe da casa e só com a supervisão dele as mulheres podem utilizar. 

Jean McClellan está em completa negação, ela não consegue acreditar que tudo isso esta acontecendo e que ela teve inúmeros avisos de que isso iria se abater sobre a sociedade e não fez nada para frear o avanço dos religiosos. Jean não suporta o fato de que sua filha Sonia quase não se expressa mais e que seu filho Steven parece ter virado um fanático religioso, acreditando em todas as asneiras que o governo tenta implantar. Jean terá uma única chance de ajudar as mulheres de todo o país, de salvar sua filha e a si mesmo, ela vai lutar, porque essa história ainda não chegou ao fim. 



A editora Arqueiro me enviou a prova do livro Vox, foi uma leitura de uns dois dias apenas, um enredo tão intenso que não consegui terminar tudo no mesmo dia. Sabe o tipo de livro que você termina de ler e percebe que apesar de surreal tudo o que acontece ali, isso tudo é muito fácil de acontecer e não precisa ser em um futuro muito longe. 

Vox me lembrou muito o livro O conto de aia, é impossível não associar os dois. Nos dois livros eu fiquei com a sensação de que tudo aquilo seria muito possível de acontecer, fiquei horrorizada com os acontecimentos, mas ler livros assim é como lembrar que a luta feminina nunca deve acabar, que devemos estar em constante vigilância, para nunca sermos de fato silenciadas. 

Foi aterrorizante ver no que os filhos de Jean estavam se transformando, eu no lugar dela teria reagido da mesma forma ou talvez pior. Foi angustiante ver a pequena Sônia na idade ter novas experiências e descobrir sensações e não poder ter contato com ninguém, afinal como manter um diálogo com apenas 100 palavras. 

A narrativa de Christina Dalcher foi tão estimulante e vivaz que foi difícil eu interromper a leitura para terminar no outro dia, eu queria e não queria terminar o livro. Fiquei encantada pelas reviravoltas que o livro ia tomando, torci por Jean e por todos os outros personagens e foi maravilhoso ver um final tão bom, só senti falta de um epílogo, mas nada que diminuísse essa incrível obra. 

Não tenho como falar sobre os aspectos físicos do livro, uma vez que só tive acesso a prova, mas tenho certeza que ficará tão perfeito como promete. 

Vox com certeza foi a melhor leitura que fiz esse ano, já o coloquei na lista de favoritos e tenho certeza que o livro permanecerá no topo até dezembro. Todo mundo, principalmente as mulheres, devem ler esse livro. Se eu pudesse, presentearia todas as minhas amigas com esse livro. A luta nunca vai acabar, saibam disso. 

     



7 Blogger
Facebook

7 comentários

  1. Caramba, com certeza eu vou comprar quando lancar, me pareceu ser bem interessante

    ResponderExcluir
  2. Caramba, com certeza eu vou comprar quando lancar, me pareceu ser bem interessante

    ResponderExcluir
  3. Nossa estou surtando com esse livro , também no início da resenha me lembrou muito o Conto da Aia , adorei a resenha , e muito animada em com essa nova leitura , principalmente nos tempos políticos que vivemos hoje !

    ResponderExcluir
  4. Quero esse livro, amei a resenha 👏👏👏👏

    ResponderExcluir
  5. Parece ser um livro interessante difícil ler a resenha e não imaginar isso acontecendo de verdade. É de ficar horrorizada com assim só cem palavras, que absurdo, a leitura deve mexer com o leitor e o deixar refletindo sobre esses abusos contra as mulheres.

    ResponderExcluir
  6. Meu deus! Estou chocada com sua resenha e ao mesmo tempo apaixonada.
    Preciso ler esse livro LOGO!!!
    Com certeza um enredo bastante forte e o mais triste é a possibilidade de isso acontecer algum dia.
    Precisamos todos os dias manter nossa voz,não podemos nos calar!

    ResponderExcluir

Olá, agradeço pela sua visita. Deixe seu cometário também :D